A etimologia da cannabis

Conheça a origem de palavras associadas a verdinha.

0
324

Você já se perguntou a origem das palavras que utilizamos para falar de cannabis? Boa parte delas têm seu significado exatamente no nome da planta, em linguas diversas ao redor do mundo, mas outras fazem associação à sua utilização.

“Maconha”, por exemplo, tem sua origem em uma das linguas angolanas, o quimbundo. A palavra, originalmente “ma’kaña”, era falada com o som “makanha”, e significa “erva santa”. Banza, também de origem em quimbundo, originalmente “mbanza”, era uma palavra utilizada tanto na África do Sul quanto na Angola, denominando o ato de utilizar a erva para pensar, refletir.

Outra palavra originalmente angolana é diamba, que deriva da palavra “liamba”, tradução literal para “cânhamo”. Hemp também têm sua tradução literal para “cânhamo”, mas em inglês.

ganja tem origem da Índia, originalmente “gañjā” em sanscrito e, depois, introduzida ao hindi. A palavra se refere apenas a um determinado produto derivado da cannabis, as flores – enquanto “charas” se refere à resina e “bhang” às sementes e folhas. Já falamos aqui da sua história cultural.

A palavra marijuana têm sua origem no méxico. Antes da planta chegar nos EUA, ela já era conhecida como mariguana. A origem desse nome remota aos tempos da colonização, quando a planta conhecida como guana recebeu o prefixo “mari”, associada à Virgem Maria, com o intuito de santificá-la. Assim como outras substâncias com propriedades divinatórias no México, a cannabis acabou ganhando um nome cristão, provavelmente em um esforço para não ser demonizada.

E você, conhece alguma outra história legal? Qual o nome que você mais utiliza pra falar de cannabis? Deixa aqui pra gente nos comentários.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.