Toda maconha é medicinal. Cada variedade de cannabis pode contribuir de alguma maneira para diferentes condições de saúde.

A cannabis possui diversas propriedades terapêuticas.

A combinação dos canabinóides, terpenos e flavonóides da planta – agindo em conjunto – proporciona efeitos medicinais capazes de aliviar sintomas de diferentes condições de saúde.

Por isso, não se deve limitar a maconha pela (errônea) distinção ”cannabis medicinal” x ”cannabis recreativa”. Afinal, a espécie botânica Cannabis Sativa L. como um todo produz efeitos terapêuticos.

Esses efeitos se explicam principalmente pelo fato dos compostos da planta se ligarem ao sistema endocanabinóide presente no nosso organismo.

O SEC é responsável por manter as funções do organismo em equilíbrio. Portanto, os compostos da planta se ligam a esse sistema, ajudando a manter a homeostase do organismo.

Os compostos mais estudados da maconha são o THC e o CBD, por isso eles são destaque.

O THC, o canabinóide mais polêmico da planta, é alvo de preconceito e restrições por conta de seus efeitos psicoativos. Porém, esse composto também proporciona efeitos terapêuticos.

O CBD é conhecido por balancear os efeitos do THC e apresenta diversos benefícios medicinais também.

As pessoas normalmente usam o CBD para ajudar a tratar

  • convulsões
  • depressão
  • ansiedade
  • inflamação
  • dores
  • enxaquecas

O THC tem usos potenciais no tratamento de:

  • glaucoma
  • espasticidade muscular
  • baixo apetite
  • insônia
  • náuses

Para alguns casos, produtos e cepas de maconha com maior teor de CBD são mais recomendadas. Para outras casos, a proporção equilibrada entre THC e CBD é o mais indicado.

Mas, tendo em vista que todas as cepas possuem algum efeito medicinal, confira algumas propriedades terapêuticas de diferentes strains:

Blue Dream

A Blue Dream é relaxante e calmante, mas não é completamente sedativa. É muito usada para alívio da dor, cólicas e inflamação. Além disso, melhora o humor.

Sour Diesel

Uma variedade energizante e estimulante do humor, a Sour Diesel é ótima para a produtividade. Também tem notáveis efeitos desestressantes e analgésicos.

Bubba Kush

Bubba Kush é uma variedade relaxante e tem efeitos levemente sedativos, sendo ótima para combater a insônia. Também tem propriedades que reduzem a dor e aliviam o estresse.

Grandaddy Purple

Granddaddy Purple é outra variedade altamente relaxante, também ajudando no combate à insônia e estresse. Essa strain também é conhecida por aumentar a fome, sendo indicada para quem sofre com falta de apetite.

Super Silver Haze

Uma cepa com efeitos energizantes, a Super Silver Haze produz sentimentos de euforia, alivia a dor e a náusea e melhora o humor. Muito indicada para aliviar o estresse.

Esses são apenas alguns exemplos de cepas de maconha famosas e seus efeitos terapêuticos. Existem centenas de opções, cada uma com propriedades medicinais diferentes.

Como escolher a melhor strain para o meu caso?

A cepa que você escolher depende de qual efeito você deseja.

Como mencionado, algumas variedades são mais indicadas para certas condições do que outras.

É importante entender qual a proporção de compostos da strain e como essa combinação pode contribuir terapeuticamente para seu caso.

Se você precisa realizar um tratamento medicinal desse tipo, o ideal é consultar um médico prescritor de cannabis.

Um especialista saberá passar o melhor tratamento com cannabis para sua condição médica.

A maconha também tem o potencial de interagir com medicamentos que você pode estar tomando. Portanto, é fundamental que haja acompanhamento médico no seu tratamento com cannabis.

Em breve, a Clínica Who is Happy estará disponível com uma equipe médica especializada em tratamentos medicinais com cannabis.

Fonte: Healthline

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.