Em colaboração com o museu de drogas Poppi, foi lançada a ”De XTC Winkel”, primeira loja ”demonstrativa” de ecstasy na cidade de Utrecht (Holanda).

(Imagem: reprodução Merry Jane)

A ideia por trás da iniciativa é investigar como seriam as vendas legalizadas de MDMA (comumente vendido na forma de ecstasy), caso fossem liberadas.

A loja teste abriu em julho e funcionará até setembro deste ano.

Segundo o museu Poppi, suponha que ”os formuladores de políticas decidem regular a venda de ecstasy, o que significa que você pode simplesmente comprar ecstasy em uma loja. Ideia absurda ou não? De acordo com pesquisas científicas, a produção e venda regulamentada de ecstasy oferecem os resultados mais seguros para a saúde, o meio ambiente e a segurança. É por isso que o Drugs Museum Poppi está abrindo a primeira loja de ecstasy na Holanda”.

Trata-se de um experimento público, onde foi criado um mundo fictício em que o ecstasy é regulamentado e comprado legalmente – mas os visitantes decidem como.

Existem três modelos criados na loja:

1. ”Modelo boate” (nightclub model): o modelo atual em que a maioria das pessoas compram MDMA. Totalmente desregulado e fica nas mãos do tráfico.

2. ”Modelo farmácia” (pharmacy model): o modelo de vendas mais rígido, fortemente regulamentado e monitorado de perto.

3. ”Modelo vitrine” (storefront model): semelhante ao que vemos nos dispensários. É fortemente regulamentado na parte das vendas, mas para o cliente, é tão simples quanto pegar uma garrafa de bebida.

Steven Rolles, analista sênior de políticas da Transform Drug Policy Foundation, comentou sobre a loja: ”Os visitantes interagem com os diferentes modelos – e recebem embalagens com pílulas fictícias – e depois dão suas reações – para ajudar a informar o desenvolvimento de políticas daqui para frente”.

MDMA
(Imagem: via Twitter)

Os visitantes podem interagir com os três modelos de legalização como quiserem.

Embora nenhum MDMA real seja vendido ou distribuído na loja de demonstração, os participantes recebem uma série de perguntas para ajudar o governo holandês a determinar de que forma estimulantes como o MDMA devem ser legalizados.

Algumas perguntas a serem respondidas são: existe um teto de preço máximo para o mercado legal? Qual deveria ser a idade mínima para comprar? O MDMA deve ser vendido em embalagens como medicamentos ou deve ser vendido em embalagens personalizadas, como nos dispensários?

A possibilidade de legalizar o MDMA na Holanda surge da vontade do governo de retirar esse mercado do tráfico, garantir acesso seguro aos consumidores e também mediante os progressos na ciência sobre os potenciais dessa substância na medicina, sobretudo em tratamentos psiquiátricos para Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT) e depressão.

Fonte: Merry Jane | Imagem de capa: reprodução The Face

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.