A indústria canábica não pára de crescer. Com a legalização acontecendo em um maior número de países, mais e mais empregos estão surgindo na indústria legal da cannabis.

No Brasil, algumas até podem ser consideradas profissões do futuro, mas lá fora essas “novas funções” já são uma realidade. Listamos 10 empregos únicos quando o assunto é mercado da ganja. Prepare seu currículo!

1. Chef de edibles

São os responsáveis ​​diretos pela criação de receitas infusionadas com maconha, desde comidas até bebidas. A maioria dos chefs de edibles tem anos de experiência na cozinha e profundo conhecimento de infusões de cannabis. Muito longe do ”brisadeiro”, os chefs de comestíveis canábicos são artistas e cientistas, que criam guloseimas infundidas deliciosas e uniformemente dosadas, com aparência e sabor incríveis.

Também há uma variedade de outras posições na área de edibles, desde trabalhar em uma linha de montagem até etiquetar e embalar. Trabalhar com comestíveis de maconha, geralmente, exigie experiência com manuseio e produção de alimentos. Em muitos casos, é preferível um diploma relacionado à culinária.

(Imagem: reprodução Cannabis Now)

2. Arquiteto canábico

A indústria comercial de cannabis ainda é relativamente nova e está em um grande ciclo de crescimento, o que significa que os dispensários, a produção, locais de cultivo e os centros de manufatura estão sendo projetados do zero ou adaptados.

O mercado vê a necessidade de mais arquitetos focados em projetos relacionados à cannabis. Para projetar locais adequados, é necessário entender do processo e instalação de um cultivo, como funciona um dispensário ou uma indústria de produtos canábicos. O conhecimento focado na erva é um diferencial.

(Imagem: reprodução Pot Network)

3. Especialista em vaporizador

Agora que os vaporizadores estão se tornando cada vez mais populares, muitas lojas estão surgindo, exclusivamente dedicadas à venda desses dispositivos. Conseguir um emprego em uma dessas lojas exigirá alguma familiaridade com o setor, além de habilidades de vendas e atendimento ao cliente.

4. Corretor de imóveis weed-friendly

Esteja você procurando imóvel para seu dispensário, um local para cultivo ou apenas uma vizinhança weed-friendly para sua próxima casa, você pode considerar consultar um corretor de imóveis de maconha.

Especialistas em regras e regulamentos estaduais e locais relativos à erva, os corretores de imóveis de cannabis ajudam os clientes a encontrar o armazém, terreno ou loja perfeita para atender às suas necessidades.

De acordo com a National Association of Realtors, dos Estados Unidos, os estados onde a cannabis para uso adulto é legal enfrentam problemas como proibição de fumar e cultivar por parte de associações de proprietários; valores flutuantes de propriedades perto de dispensários; e um aumento na demanda por propriedades comerciais adequadas para a produção e cultivo de cannabis.

Quer você esteja procurando comprar ou ser um corretor de imóveis procurando se desenvolver em uma nova direção, não podemos imaginar um corretor de imóveis mais legal do que um corretor canábico.

(Imagem: reprodução BNN Bloomberg)

5. Soprador de vidro

O soprador de vidro é uma profissão nobre há muitos anos. Mas, recentemente, devido à demanda crescente por acessórios canábicos (como bongs, pipes e piteiras de vidro) e a dispositivos cada vez mais eficientes, o soprador de vidro é uma carreira significativa na indústria da maconha. Você se canditaria?

6. Grower

Os produtores de cannabis são o primeiro elo da cadeia. Existem diferentes métodos para o cultivo da planta e cada cultivador seleciona o mais adequado de acordo com o resultado esperado. Outra função dos produtores é avaliar o nível de THC ou CBD na planta.

Dentro dessa área, existem cargos mais elevados, como produtor principal ou gerente de cultivo, responsáveis por coordenar as operações e processos diários do grow, incluindo a criação de clones, envasamento, transferências, rega, limpeza, manutenção, colheita e cronogramas, requisitos de equipamento e treinamento/desenvolvimento. Se você é dedo verde e paixão por coordenar pessoas e plantas, especificamente a maconha, então, essa pode ser sua carreira do futuro.

(Imagem: reproducão Time Magazine)

7. Degustador ou testador de produtos

Testar maconha de forma profissional? Sim, isso existe!

Para muitos, esse é considerado um dos melhores empregos na indústria da cannabis. Embora o pagamento nem sempre seja monumental, você definitivamente será compensado com produtos gratuitos.

Para quem pensa que já está apto para o cargo, atenção: existem algumas especificidades necessárias, como conhecimento elevado sobre maconha (e produtos diversos), disponibilidade para se expor em frente às câmeras, capacidade de criação de conteúdo… E mais habilidades que estão relacionadas à teste de produtos. Você estaria preparado para essa vaga?

8. Fotógrafo de maconha

Com o crescimento do e-commerce e compras virtuais na indústria canábica, a necessidade de fotografias da área, profissionais e de alta qualidade, também cresceu.

Um certo ditado diz que as pessoas comem com os olhos, bem, o mesmo se aplica para fumar. É por isso que as imagens dos produtos são extremamente importantes. Os clientes querem ver todas os detalhes da erva. Portanto, se você é um criador de conteúdo ou fotógrafo em busca de uma carreira na indústria da cannabis, este pode ser o trabalho para você.

(Imagem: reprodução Cannabis Now)

9. Embaixador de marca ou influenciador

Adora falar sobre cannabis para quem quiser ouvir? Você pode querer considerar uma carreira como Embaixador de Marca de uma empresa de cannabis ou influenciador.

Mais empresas estão procurando embaixadores da marca para educar seus consumidores sobre os produtos. Este trabalho foi desenvolvido para pessoas extrovertidas, organizadas, motivadas, flexíveis e que aprendem bem no trabalho. Seu trabalho seria representar a marca de cannabis em eventos, dispensários locais e redes sociais. Você trabalharia em estreita colaboração com os consumidores, clientes e a equipe de marketing.

O influencer canábico, por sua vez, atua mais nas redes sociais e tem a disponibilidade divulgar marcas diversas. Essa função tem importância e relevância na apresentação e aceitação dos produtos.

10. Especialista em extração

Se você tem paixão por concentrados e destilados, talvez queira considerar uma carreira como especialista em extração. Os técnicos de extração usam equipamentos de laboratório, calor, pressão ou solventes para separar compostos químicos de cannabis (THC, CBD) das plantas de cannabis ou criar concentrados.

(Imagem: reprodução Analytical Cannabis)

Há ainda vagas dentro do mercado da ganja para operadores de caixa e gerentes de loja, seguranças, entregadores, entre outras vagas do mercado comum. Oportunidades não faltam nesse negócio, projetado para adicionar 410 mil novos empregos, somente este ano, nos Estados Unidos.

Se você quer se preparar para esse mercado, os cursos do Ganja Talks University te ensinam sobre como trabalhar na indústria da cannabis, e contam com aulas com especialistas que vão te ajudar a desenvolver habilidades para esse mercado. Se inscreva!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.